Google+ Followers

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

IMORTALidade

BORRACHA NÃO APAGA - O TEMPO NÃO CONSOME.  DISTÂNCIA NÃO SEPARA E O PÃO NÃO MATA A FOME QUANDO A FOME É DE AMOR...  AS PAIXÕES CAMUFLAM POR UM TEMPO...  AS AVENTURAS MASCARAM A VERDADE E DÃO A ILUSÃO DE ESQUECIMENTO.  MAS ESSE AMOR PODE FICAR EM ESTADO DE DORMÊNCIA DURANTE ANOS.  E BASTA APENAS UMA PALAVRA OU UM OLHAR PARA QUE TUDO VOLTE AO PONTO DE PARTIDA COMO NO PRIMEIRO ENCONTRO.  É O DESPERTAR DE UM VULCÃO ADORMECIDO...  SÃO DUAS CRIANÇAS REENCONTRANDO A FELICIDADE ESQUECIDA NUMA REALIDADE NOVA EM TEMPO TOTALMENTE NOVO.  TUDO O QUE NÃO FORA DITO, TUDO O QUE FICARA SEM RESPOSTA SERÁ AGORA ESCLARECIDO E COLOCADO EM PRATOS LIMPOS. NÃO HAVERÁ O QUE PERDOAR. NÃO SERÁ PRECISO PEDIR PERDÃO.  NÃO SE DEVE MATAR POR AMOR E SE DE AMOR ALGUÉM TIVER QUE MORRER - ESTA É, SEM DÚVIDA UMA BOA CAUSA PARA A MORTE PREMATURA...             O          f              g