Google+ Followers

terça-feira, 9 de dezembro de 2014

BONS TEMPOS

Bairro progresso ainda pouco habitado, pouco iluminado, terrenos baldios e a gente brincava de um-dois-três na rua 44 com a avenida 11 até tarde da noite. Dos nossos amigos-Jossi, Preto, Divino e Dionísio eu me lembro muito bem. Eles estavam sempre com a gente... Lembro-me da Rizicultora na avenida 7 abaixo da rua 26, onde na esquina havia de um lado o Bar Motorista e do outro o Bar Lavourista. O melhor picolé da cidade era o da sorveteria que havia na esquina da rua 22 com a avenida 9 bem próximo da Prefeitura. Mas do que a gente mais gostava era dos filmes no Cine Capitólio na rua 20 com seus filmes de Tarzan, os de faroeste, Os filmes nacionais ... A gente engraxava os sapatos dos grã-finos para poder ajudar em casa e, se sobrasse dinheiro, poder ir ao cinema. Nunca íamos ver os filmes do Cine Ituiutaba porque lá não era para os pobres...  Ah! Também nunca pude esquecer da bondade do senhor Afonso da padaria que tinha logo abaixo do Bar Lavourista que nos dava o pão que sobrava e meu irmãozinho menor ia buscar todo dia...  Que DEUS o abençoe, senhor Afonso!!! Você fazia a nossa felicidade... A cidade cresceu, as pessoas se mudaram, os amigos se dispersaram e... A vida continua.   t   f   g   p