Google+ Followers

quarta-feira, 24 de abril de 2013

Mártir ou bode expiatório?

A gente sabe que a corda sempre se rompe do lado mais frágil.  Hoje sabemos também que Cabral não descobriu o Brasil coisíssima nenhuma...  O Brasil foi invadido e feito cativo pelo poder das armas, muito mais poderosas que as dos indígenas nativos.  E a história de Tiradentes não nos convence mais.  É claro que por traz dele havia um mentor intelectual  com ideais revolucionistas que não podia aparecer, talvez pela posição de grande prestígio que ocupava na Corte Imperial.   Se analisarmos hoje, uma rebelião urbana, notamos que muitos agitadores ao verem as coisas complicadas com a chegada da polícia, abandonam o local, ficando para traz os mais exaltados que acabam sendo presos.   O mesmo pode ter acontecido com  J.J.da Silva Xavier...  Alguém tinha que ser preso e morto para dar um basta na revolta que muito preocupava a Coroa Portuguesa...  Mas são águas passadas e o mundo está cheio de contos do vigário como esse.  Sofremos muito?  Sofremos! Mas entre mortos e feridos estamos vivos e...  toquemos o barco!...     g  o   t   f